quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Aplicativo informa sobre paradas de ônibus e rota de linhas no DF

 

Gente, Funciona!

Vide versão web: http://www.mapeiadf.com.br/mobee ou baixe para "Droid" ou IOS!

Boa viagem!

- - -


Esta é para aqueles que sofrem  como EU!
Já solicitei o APP para testar.
Magda

Os criadores do aplicativo: denúncias de horários descumpridos, carros quebrados e itinerários errados  (Carlos Vieira/CB/D.A Press)
 Os criadores do aplicativo: denúncias de horários descumpridos, carros quebrados e itinerários errados

O transporte público poderia ser mais fácil e mais atrativo caso oferecesse informações atualizadas aos usuários. Pensando nisso, cinco amigos que trabalham com tecnologia — e dependem ou já dependeram de ônibus — se juntaram para criar um aplicativo gratuito de colaboração coletiva para reunir esses dados. O Mobee foi pensado para smartphones, os telefones celulares modernos, mas também conta com versão para computadores. Dessa forma, é possível acessá-lo de várias plataformas. A equipe que desenvolveu o programa pretende liberá-lo para download até o fim do mês. Por enquanto, o serviço está em fase de testes. Cerca de 100 pessoas instalaram o software para fazer avaliações. A expectativa é que elas sirvam para preencher as lacunas de informações, aquelas que o cidadão não consegue com a mesma facilidade diretamente com o DFTrans, o órgão do governo que deveria fiscalizar o sistema e atender todas as necessidades dos passageiros.

Pelo Mobee, um usuário pode verificar qual a parada mais próxima, a quantos metros ela está, o itinerário da linha e até mesmo se é preciso pegar dois ônibus para chegar ao destino. O aplicativo ainda sugere a rota mais fácil. Para isso, basta um celular com GPS. Para que o aplicativo seja eficiente, no entanto, é preciso contar com a participação da população. Quanto maior o número de usuários e de colaborações, mais completo o aplicativo, como explica um dos desenvolvedores, o designer de interfaces Wesley Rocha, 34 anos. “No fim do ano passado, conseguimos uma reunião com o DFTrans. Eles nos passaram as rotas, mas não garantiram a atualização. A população vai ter que nos ajudar com esse trabalho e informar o que vê na rua”, comenta.

O DFTrans explicou, por meio da assessoria de comunicação, que, como o sistema de transporte público está em transição, não é possível ter todos os dados com precisão no momento. O total de ônibus em circulação, por exemplo, fica em 3.630, mas o número deve mudar assim que a atualização for concluída (Leia Para saber mais). O órgão calcula cerca de 4,3 mil pontos de paradas espalhados e aproximadamente mil linhas. No site do DFTrans, existe um mapa com detalhamento apenas das linhas do Plano Piloto. Ainda de acordo com a assessoria, trata-se de um protótipo de consulta de itinerário, além de preços e horários. O governo pretende expandir o projeto para todo o DF até a Copa do Mundo, que começa em junho.

Confira
aqui a versão web do aplicativo.
 
Publicação: 08/01/2014 06:05 Atualização: 08/01/2014 10:22